quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Ambiente e Números_1: O consumo de fraldas em Portugal

Segundo o Jornal Público de 23.11.2010:

74 por cento das fraldas usadas em Portugal são depositados em aterros sanitários e 26 por cento seguem para incineração. Não existem soluções de reciclagem de fraldas em Portugal.

(Já existem fraldas reutilizáveis (por exemplo, aqui, ali e acolá), que, segundo a ALGAR, empresa responsável pela gestão do sistema multimunicipal de recolha selectiva, triagem, valorização e tratamento de Resíduos Sólidos Urbanos (RSU) do Algarve, se pagam em 4 meses (o investimento inicial é significativo) e, tendo em conta o tempo total de uso de fraldas por cada bébé, permitem uma poupança de cerca 500 euros!)

Vejam o Human Footprint da National Geographic (Parte 1, todo o programa disponível no Youtube.com, em partes)
E, também da NG, algo interactivo e bem esclarecedor aqui.




quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Bom Natal

   Nesta época de celebração (do consumo?), vale a pena ler dicas curtas da Quercus para o Natal, aqui.

   Aproveitando o mote, damos a conhecer dois projectos interessantes:

Comércio Justo, que se enquadra numa perspectiva de Desenvolvimento, mas Sustentável e a prazo

Adopção de um Lobo no Centro de Recuperação do Lobo Ibérico, na Malveira

    Ainda uma outra sugestão de uma prenda útil e sustentável (passo publicidade)

Cartão Cultura, para amantes de cinema, teatro, exposições, entre outros.

     Um abraço a tod@s e Bom Natal!


Global Warming Santa...



Natal e a Internet

sábado, 18 de dezembro de 2010

Música e Ciência: They Might Be Giants

   A banda Nova-Iorquina They Might Be Giants, já com 20 anos de existência e com cerca de 18 álbuns editados, lançou o álbum Here Comes Science em 2009. 
   É um álbum com bons ensinamentos sobre Ciência, de cariz marcadamente didáctico e dirigido a crianças e jovens... de todas as idades!

Aqui vai uma amostra:


They Might Be Giants - Science is Real


Science is real
From the Big Bang to DNA
Science is real
From evolution to the Milky Way
 
I like the stories
About angels, unicorns and elves
Now I like those stories 
As much as anybody else
But when I'm seeking knowledge
Either simple or abstract
The facts are with science
The facts are with science

Science is real
Science is real
Science is real

Science is real
From anatomy to geology
Science is real
From astrophysics to biology
 
A scientific theory
Isn't just a hunch or guess
It's more like a question
That's been put through a lot of tests
And when a theory emerges
Consistent with the facts
The proof is with science
The truth is with science

Science is real
Science is real
Science is real
Science is real
(NOTA: quando os TMBG cantam a Verdade está com a Ciência, leia-se 
a Ciência aproxima-se da Verdade, procurando explicações consistentes com os factos 
através de testes, ao contrário das Pseudo-Ciências)

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Até Domingo, na Trindade, recolha de Electrodomésticos em fim de vida

     Divulgamos uma iniciativa, a decorrer no Porto até este Domingo. Ajudar o Ambiente, livrando a casa daqueles electrodomésticos que (aparentemente) 'ainda hão-de dar jeito um dia!', mas que apenas ocupa espaço durante anos!
 
   A ERP Portugal, Entidade Gestora de Resíduos, que integra a European Recycling Platform e que possui no nosso país uma alargada rede nacional de mais de 1000 pontos de recolha de resíduos, prevendo encerrar 2010 com 12 mil toneladas de REEES recolhidos e encaminhados para reciclagem em Portugal, na esteira da sua estratégia de sensibilização e promoção da recolha e reciclagem de REEE, e do enorme sucesso obtido no ano passado, escolheu este ano de novo a cidade do Porto como destino da sua acção “Neste Natal dê um Presente ao Ambiente”.
    A acção de Natal da ERP Portugal de 2010, que tem como parceiros a Lipor, o Metro do Porto e a Porto Lazer, irá decorrer nos próximos dias 17, 18 e 19 de Dezembro, das 09:00 às 18:00, na Praça do Metro da Trindade.
     A ERP Portugal vai ocupar um espaço de 200m2 onde irá ter uma mega árvore de Natal com 10m de altura junto à qual irá proceder à recolha de pequenos REEE (Resíduos de Equipamentos Eléctricos e Electrónicos) e RP&A (Resíduos de Pilhas & Acumuladores), explicando como se faz a reciclagem destes tipos de resíduos. Duas vezes por dia (ao final da manhã e ao final da tarde) serão premiados os cidadãos que entregarem maior quantidade/peso de resíduos.
 
 
 
 
    Marcarão também presença nesta acção, as populares mascotes da ERP Portugal (conhecidas como a Equipa dos REEE: o Capitão Fluxo, o Grandão, o Fresquinho, o Antenas, a Vapores, a Luzinhas e o Depositrão), sendo possível tirar fotografias com o Pai Natal.
 

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Olimpíadas 2010/2011: Ambiente e Biotecnologia


  A Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa e a Sociedade Portuguesa de Biotecnologia, promovem a organização das VI Olimpíadas de Biotecnologia, dirigidas aos alunos do Ensino Secundário (Regulamento).

  Com a organização deste evento, pretende-se promover: o conhecimento e o interesse pela temática da Biotecnologia nas suas múltiplas vertentes; a utilização do método científico na resolução de problemas; o interesse dos alunos em actividades realizadas fora da sua comunidade escolar; o intercâmbio de ideias e a confraternização entre alunos de diferentes comunidades escolares; e a interacção professor/aluno em ambiente não lectivo.

  As Olimpíadas de Biotecnologia incluem duas eliminatórias locais e uma final nacional. 

As primeiras e segundas eliminatórias terão lugar em simultâneo nas várias escolas participantes de acordo com a calendarização seguinte:

·             Primeira eliminatória a 16 de Fevereiro de 2011 às 14 h
·             Segunda eliminatória a 30 de Março de 2011 às 14 h

A final nacional realizar-se-á a 13 de Maio de 2011, na Escola Superior de Biotecnologia, e terá início às 10h.

(Os interessados deverão inscrever-se até dia 16 de Janeiro junto do Professor André Rodrigues ou enviando um email para andre.rodrigues.clf@gmail.com, indicando nome e turma.
Podem ser encontradas fontes de informação sobre Olimpíadas anteriores e Biotecnologia em aqui)



   No próximo dia 16 de Dezembro, pelas 14.30h, realiza-se, à semelhança dos anos anteriores a 1ª eliminatória das Olimpíadas do Ambiente, organizadas por uma uma equipa multidisciplinar composta por elementos da Escola Superior de Biotecnologia - Universidade Católica Portuguesa, da Quercus - Associação Nacional de Conservação da Natureza e do Zoomarine - Mundo Aquático SA.
   Nesta prova participam os alunos do 3º Ciclo e Secundário (Agrupamento Ciências e Tecnologias). 

Para mais informações sobre as inscrições, contactar o Professor Pedro Fonseca)

(Para saber mais, clicar aqui)

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Campanha (a propósito do Ambiente)

    Vejam esta campanha levada a cabo, há dias,  por organizações ambientalistas, ao largo de Cancún, num Museu subaquático.

    A campanha recebeu o nome Real People can't live underwater. Conseguem adivinhar a razão de ser desta designação?! (vejam aqui o mesmo vídeo, sem publicidade)




video


     Até dia 10 de Dezembro, reúnem em Cancún (México) os líderes mundiais, para discutir as alterações climáticas. Não deixa de ser curioso que este encontro ocorra numa zona iminentemente turística e costeira, que decerto será das primeiras a 'sentir' as consequências do aumento do nível do mar, decorrente da subida da temperatura global...

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Para 'fechar' por hoje, uma citação dedicada aos leitores e aos promotores de leitura:

'Escrevendo ou lendo nos unimos para além do tempo e do espaço, e os limitados braços se põem a abraçar o mundo; a riqueza de outros nos enriquece a nós. Leia.'   Agostinho da Silva (1906-1994)

Desempenho de Portugal a nível climático: que reflexões?


Portugal passa de "moderado" para “bom” em desempenho climático

Notícia de hoje, no Público.

Apesar do 'sinal' positivo de Portugal quanto ao cumprimento dos objectivos do Protocolo de Quioto, justifica-se uma reflexão mais profunda, nomeadamente quanto:

- à deslocalização de indústrias para países em vias de desenvolvimento, como a China (compramos barato, mas a um dos maiores Emissores de Dióxido de Carbono - posicionado em 56º Lugar, mais precisamente, segundo o Climate Change Performance Index 2011). Não estaremos a emitir menos CO2 à custa de desemprego e precariedade social e económica em Portugal?

- a reduzida representatividade política que Portugal (man)tem ao nível das decisões sobre Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, face, por exemplo, a países como a Itália e Polónia, que se encontram entre os países que recusaram o elevar da fasquia relativamente aos objectivos propostos em Quioto em 1997 e também bloquearam a adopção de Políticas de Financimento para o Clima, na UE. O que poderá/deverá mudar com este 14º (na realidade, um 11º lugar, veja-se o ranking para perceber), relativamente à preponderância nas decisões políticas sobre estes assuntos?

- o que realmente mudou/deverá ainda mudar no sistema de transportes públicos e eficiência energética doméstica, como justamente assinalado por uma leitora num comentário à notícia?

- o index ou ranking resulta da consideração de critérios como Nível de Emissões, Tendência de Emissões e Políticas Ambientais (com ponderações específicas para cada um), pelo que a posição de Portugal no nível Bom 'camufla' a classificação de uma Performance Moderada para alguns destes descritores.

- estará o desenvolvimento económico e social de uma região, em particular no caso dos Países em Vias de Desenvolvimento (caso paradigmático, a China - quem mais?!) inevitavelmente associado a um aumento do impacto negativo ao nivel do ambiente, nomeadamente no que diz respeito a alterações climáticas?

Assim sendo, resta desejar boas reflexões, profícuas discussões e, que bom que era!, mudanças de atitude naquelas pequenas acções do quotidiano que tanta diferença poderão fazer! (Em breve, será realmente oportuno partilhar um vídeo sobre liderança e a possibilidade de pequenos gestos potenciarem a mudança. A ver se não esquece remeter para este post, para os mais esquecido!)

Saber sem agir não faz avançar o Mundo!

Até breve!



Divulgação de Evento - Serralves, próxima quinta-feira, dia 09 Dezembro 2010



CICLO
CONVERSAS SOBRE O AMBIENTE
11 NOV 2010 - 09 JUN 2011, 17h-19h30
A realização de um ciclo de conversas temáticas sobre o Ambiente tem como objectivos difundir informação em matéria de ambiente e promover momentos de discussão sobre problemáticas contemporâneas neste domínio, incentivando à participação pública.

AGRICULTURA
O futuro da agricultura: sustentabilidade ou desertificação?
9 DEZ 2010 (Qui) - Biblioteca, Museu de Serralves

Oradores convidados

Rui Martins
Direcção Regional da Agricultura e Pescas do
Norte

Maria José Roxo
Faculdade de Ciência Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa

Alfredo Cunhal
Herdade do Freixo do Meio

Moderadora
Arminda Deusdado
Farol de Ideia

Entrada Gratuita mediante inscrição prévia para:
tel: 226 156 587 ou e-mail:c.almeida@serralves.pt

Para consultar todo o programa clique aqui.

domingo, 5 de dezembro de 2010

Trabalho Biologia e Geologia 10º B - Ocupação de Áreas de Risco Geológico

   Para o dia dedicado às Áreas de Risco Geológico no famoso motor de busca Google, já está o trabalho adiantado: 
   A Ana Luísa Castro e a Susana Silva do 10ºB criaram, com um misto de humor e consciência cívica e científica, uma página dedicada a este tema sempre actual, enquadrado no Ordenamento do Território, e, por isso, numa perspectiva de Desenvolvimento Sustentável: a ocupação de áreas de risco geológico.
   Relembrem-se exemplos recentes, próximos (Madeira, Fevereiro 2010) ou mais distantes geograficamente (Haiti, Janeiro 2010), que conjugaram condições meteorológicas/geológicas excepcionais mas em que a ocupação do território potenciou os seus efeitos devastadores, aumentando a tragédia.
     A Terra não vai parar de libertar a sua energia, que ainda alimenta sismos e vulcões depois de 4,5 mil milhões de anos de vida! Resta ao Homem respeitar essa grandeza indomável, aumentar o conhecimento sobre áreas de risco geológico e evitar, tanto quanto possível, que tais fenómenos naturais se tornem tragédias.

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

O primeiro Post oficial: resultado de uma cumplicidade sem adjectivos, de um encurtar de distâncias com a leveza da Primavera!

"Em noite de luar, na Primavera e no Verão, as sombras roçam-se em nós, com o seu tecido fino de luz, e as estrelas são tão baixas e tão visíveis que, se falarmos com elas, ouvimo-las à escuta.
Em Março e Abril, uma hora após o pôr-do-sol e a nordeste, víamos todas as noites o cometa Hale-Bopp, que ali esteve pela última vez antes dos antigos egípcios e que só voltará de novo daqui a seis mil anos.
Passei noites fascinado a olhar o Hale-Bopp e a pensar se seria ele Deus, Osíris, o Grande Construtor do Universo? Nunca me tinha acontecido ter um cometa a olhar para o terraço da minha casa, vigiando os meus gestos, lendo os meus pensamentos. Em algumas noites, com a lua cheia no tecto da casa, Martre nascendo amarelo ao mesmo tempo que a lua e o Hale-Bopp no horizonte, tudo ficava suspenso, em silêncio: eu, a coruja, os grilos, as rãs."
Não te deixarei morrer David Crockett, de Miguel Sousa Tavares

Fica ainda uma sugestão de leitura: a obra Um Mundo Deste Tamanho, de Pedro Cotrim (http://www.centroatl.pt/titulos/ciencia/mundodestetamanho.php3) 

(Resulta este post, com muita honra para este Blog e como prova de que as áreas de saber são artificialidades 'quebráveis', da contribuição da Professora Auxília Ramos, de Língua Portuguesa do CLF. O autor do trecho transcrito trará, é previsível, de família o fascínio pelo Natural e a vontade de o registar e lhe dar (mais) magia)